sexta-feira, 25 de agosto de 2017

TCU libera e obras da Reta Tabajara serão parcialmente retomadas pelo DNIT

Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes obteve êxito em conversas com o Tribunal de Contas da União, que havia barrado as intervenções em abril
José Aldenir / Agora Imagens - Reta Tabajara
Do Portal Agora RN
Paralisadas desde o último dia 25 de abril por suspeitas de irregularidades em seu projeto executivo (que podem ter causado prejuízos de até R$ 68,7 milhões aos cofres públicos), as obras de duplicação da BR-340, conhecida popularmente como a Reta Tabajara, teve sua retomada parcialmente liberada pelo Tribunal de Contas da União (TCU). A autorização da Corte nacional aconteceu na última quarta-feira, 23.

Desde que haviam sido paralisadas, as obras da Reta Tabajara sofreram insistentes investidas da Superintendência Regional do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT-RN) na intenção de voltarem a serem executadas nos pontos em que o TCU não constatou qualquer irregularidade. Somente nesta quarta-feira a medida cautelar do órgão foi alterada, permitindo a retomada das intervenções.

Entre os pontos que o DNIT havia solicitado ao TCU para que as obras fossem recomeçadas estão os serviços de drenagem, terraplanagem, obras de arte especiais, obras de arte corrente, iluminação, implantação de passarelas, construção do prédio da Polícia Rodoviária Federal e algumas outras intervenções complementares.

A justificativa do Departamento para que estes pontos tivessem suas obras retomadas foi a necessidade da manutenção dos empregos e da redução de despesas em razão da desmobilização, deterioração, perda e preservação dos materiais. Ao todo, as intervenções têm valor estipulado em R$ 237,4 milhões.

Além das situações já explanadas, o DNIT também utilizou com argumento para a retomada das obras o fato da Reta Tabajara ser uma rodovia importante que atende o polo industrial do Rio Grande do Norte, como também a possibilidade de minimizar os riscos de acidentes na região, que estavam iminentes devido a paralisação dos serviços.

Fonte: http://agorarn.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.