segunda-feira, 5 de junho de 2017

Instrutora do CRAS/Sítio Novo, Pâmela Thays é convocada para disputar campeonato sul-americano de Karatê

A Academia Agapto continua no topo quando o assunto é qualidade na formação das artes marciais e em especial, o Karatê. A jovem tangaraense Pâmela Thays divulgou em sua página do Facebook mais uma convocação para representar o Brasil no Campeonato Sul-Americano sub-21 que acontecerá na Bolívia.

A carateca tem vários títulos estaduais e brasileiro e estará mais uma vez com a bandeira de Tangará além das fronteiras do Brasil. Pâmela é filha do professor e idealizador da Academia Agapto, Canindé Agapto que está muito orgulhoso por mais uma conquista do seu projeto, o próximo passo é buscar uma vaga nas olimpíadas do Japão (Tokyo) em 2020.

Pâmela faz um belo trabalho como instrutora de Karatê no CRAS de Sítio Novo.



A atleta tangaraense agradeceu na página da sua rede social (facebook)
Hoje recebi a convocação da CBK- CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE KARATÊ, para disputar o campeonato sul-americano na Bolívia na categoria sub-21, agradeço ao bom Deus por todas as bençãos recebidas. Tenho tido muito mais do que pedi ou esperava ter. Segundamente agradeço a FOMENTO DO BRASIL MINERAÇÃO 🇧🇷 🇮🇳 por todo apoio pois sem esse investimento eu não estaria de volta à seleção Brasileira de karatê. Agradeço ao meu pai que é meu maior incentivador Canindé Agapto, ao sensei Emmanuel Santana pela preparação técnica, Academia Nagashima Taynnana Mirusck e Jefinho a Drogaria Xavier (pela suplementação).

Via SeiTangará
Adap. Manchete Potiguar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.