quarta-feira, 6 de julho de 2016

Tribunal espanhol condena o jogador Messi a 21 meses de prisão

O jornal “El Periódico” da Catalunya informa, 6, que Lionel Messi, jogador do Barcelona, e o seu pai foram condenados a 21 meses de prisão por fraude fiscal.
São acusados de crime que lesou o Fisco espanhol na ordem dos 4,1 milhões de euros, delito esse ocorrido entre os anos de 2007 a 2009.
O jogador de fama mundial, presente a tribunal a 2 de junho, afirmou, em sua defesa, que nunca lia os contratos e que essa era uma questão tratada por seu pai, pois ele só os assinava.
Este fato não lhe bastou para fugir a uma condenação, que agora ocorre.
O jogador e o seu pai deverão apresentar recurso desta decisão, sendo que a prisão efetiva de qualquer um deles nunca deverá acontecer, pois nenhum deles tem antecedentes criminais e a pena não supera os dois anos (a 21 meses de prisão).
Observe-se que a justiça espanhola também investiga o brasileiro Neymar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.