quarta-feira, 13 de abril de 2016

Exportações potiguares retomam crescimento no primeiro bimestre

Cajú_Fred veras (4).Fred_VerasO volume das exportações do Rio Grande do Norte no acumulado dos meses de janeiro e fevereiro alcançou um patamar de US$ 41,7 milhões. O valor marca a retomada de crescimento do envio de produtos potiguares para o mercado externo e representa um aumento de 14% no comparativo com as exportações do primeiro bimestre do ano passado. Já as importações sofreram uma queda de 33% no período, somando um valor de US$ 21,1 milhões importados.
Com esse resultado, o saldo da balança comercial do estado fechou o bimestre com um superávit de US$ 20,6 milhões. A expansão foi de 302,2% em relação a igual intervalo de 2015, quando a balança teve o menor saldo – US$ 5,1 milhões – desde 2012.
Os produtos que mais influenciaram positivamente a balança no bimestre foram os melões frescos (US$ 9,7 milhões), o sal marinho (US$ 7,2 milhões) e a castanha de caju (US$ 3,4 milhões). Por outro lado, entre os produtos que o Rio Grande do Norte mais importou estão trigo e misturas de trigo – (US$ 8,6 milhões), cloreto de vinila (US$ 1,5 milhões) e polietileno (US$ 962,2 mil).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.