quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Sítio Novo/RN: CMDCA Empossa Novos Conselheiros Tutelares do Município.

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) de Sítio Novo, empossou na tarde desta   Segunda Feira (11) os novos Conselheiros Tutelares do município, a cerimônia de posse aconteceu na sede do CRAS e teve seu início por volta das 16hs, foram empossados ao todo cinco membros que ficarão no cargo para um Quadriênio, a nova recomposição traz entre os eleitos   dois  conselheiros reconduzidos ao cargo e  três novatos, Tomaram posse os senhores Conselheiros Tutelares: Carlos Henrique Mafra, Francisca Divany do Livramento Silva,  Joaquim Wendel Ferreira, Rafael Luan de Oliveira e Sílvia Glauciana de Oliveira.


A cerimônia teve a abertura com a palavra da Presidente do CMDCA Sônia,  onde saudou os novos Conselheiros e lembrou mais uma vez da responsabilidade dos mesmos, logo após todos os empossados assinaram o termo de posse e em seguida receberam o certificado  de  eleitos, participaram do evento a Secretária Adjunta Cléria Ribeiro, a  Primeira-Dama Rivágma Teixeira, vereadores Inácio Garapa e Clédia Gerda,  Conselheiros do CMDCA do município, representantes da saúde e o Excelentíssimo Senhor Prefeito Richardson Xavier Cunha  (Nenen), que levou suas palavras aos novos empossados falando da imensa responsabilidade que o cargo exige, e também lembrou da parceria que o  município teve e terá na sua gestão com total apoio ao Conselho Tutelar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.