quinta-feira, 16 de julho de 2015

Com gols a jato e dose de sofrimento, Inter sai à frente do Tigres na semifinal da Libertadores

O Inter, definitivamente, está obcecado pelo tri da Libertadores. Para chegar lá, seria preciso jogar como se não houvesse amanhã e marcar dois gols em nove minutos? Seria preciso contar com um goleiro milagreiro? Seria, ainda, necessário vaiar um dos maiores ídolos recentes da história do clube? Não há problema. O time de Diego Aguirre, que assistiu ao duelo contra a equipe de Rafael Sobis de camarote por suspensão, tem tudo isso. E agora tem a vantagem para o jogo da volta. Na noite desta quarta-feira, o Beira-Rio rugiu mais do que o Tigres para a vitória de 2 a 1, que permite o empate na próxima semana em Monterrey. D'Ale e Valdívia anotaram no início da partida e Ayala, depois expulso, diminuiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO LEITOR: O Blog não se responsabiliza pelas opiniões e comentários. Em geral, o nosso Blog não analisa nem endossa o conteúdo dos comentários. Não permitimos o uso de linguagem ofensiva, spam, fraude, discurso de violência, comportamento violento ou negativo, conteúdo sexualmente explícito ou que invada a privacidade de alguém.

IMPORTANTE: Este Blog aceita comentários anônimos mas repudia a falsidade ideológica. Recomendamos aos leitores utilizarem o seu nome, sobrenome e e-mail (caso tenha algum), dos quais sejam legítimos para identificação.